Quarta, 03 Janeiro 2024

A Chave do Discernimento

Escrito por Samael Aun Weor
  • tamanho da fonte diminuir o tamanho da fonte aumentar o tamanho da fonte
  • Imprimir
Avalie este item
(1 Votar)
(Tempo Estimado de Leitura: 3 - 5 minutos)

...Outra chave, que também dá muito bom resultado para “sair em Astral”, é a do DISCERNIMENTO. Durante o dia vocês vão pela rua, por exemplo, e de repente se encontram com um amigo que há muitos anos não viam.

Em tal caso, chamem vocês mesmos à reflexão, perguntem-se a si mesmos: “Será que estou em Astral? Andarei fora de meu corpo?” Então deem um pequeno salto com a intenção de flutuar. É claro que, se flutuam, é porque estão no Astral.

Que tal se vocês vão pela rua e de repente encontram-se com um amigo que morreu há 20 ou 30 anos? O mais lógico é que vocês mesmos se chamem à ordem, que perguntem a si mesmos: “Estarei em Astral?” Deem um pequeno salto e, se flutuarem, é porque estão em Astral.

Se vocês vão pela rua, por exemplo, e de repente encontram-se com uma multidão, reflitam um pouquinho, só por uns instantes; não custa nenhum trabalho. Perguntem a si mesmos: “Será que estou em Astral”? Em seguida, façam a experiência: deem um pequeno salto, com a inten­ção de flutuar. Se flutuam, é porque estão em Astral.

Se vocês, por exemplo, veem uma vitrine em alguma loja onde há um objeto curioso, façam-se a pergunta: “Estarei em Astral?”

Muitas vezes os estudantes fizeram a pergunta a si mesmos, e, ao dar o saltinho, o resultado é que estavam no Astral, que, como já sabem, é o próprio Mundo dos Sonhos; estavam realmente ali, mas andavam in­conscientes, acreditando que estavam em seu corpo de carne e osso.

De modo que é preciso aprender a DISCERNIR.

Nas horas do sono normal, vive-se nos Mundos Internos com a Consciência adormecida. Ali vemos os carpinteiros em suas carpintarias, os vendedores em suas lojas, os motoristas conduzindo seus carros, suas máquinas, etc., e todos estão completamente convencidos de que estão em seus corpos de carne e osso.

Se alguém pergunta a algum amigo desses: “Em que mundo se en­contra? Onde você crê que está, meu amigo?”... sempre responde que “está em carne e osso”; e se alguém lhes diz que estão em Astral, nunca acreditam, sempre caem na zombaria.

Se essas pessoas despertassem a Consciência, entrariam nos Tem­plos nos Mundos Internos, se transformariam radicalmente. Mas, como nunca lhes ocorre fazer este exercício que estamos ensinando, vivem sempre com a Consciência adormecida.

Se vocês fazem esta prática, e durante todo o dia (a cada minuto, a cada segundo, na presença de uma pessoa que há muito tempo não viam, diante de um objeto curioso, na presença de uma multidão, etc., etc.), se fazem a pergunta, é claro que esta se grava muito bem no subconscien­te, e o resultado é que à noite acabam fazendo-se a mesma pergunta no Mundo Astral, despertando assim a Consciência.

É que o que se faz de dia se repete à noite, durante o sonho. Se acostumam a fazer este exercício durante o dia, é claro que à noite aca­bam fazendo-o também. Ao fazê-lo durante o sono se desperta a Cons­ciência, e então se pode visitar à vontade os Templos da Loja Branca, se pode invocar os Anjos, etc.

Se vocês estão no Astral e querem invocar um Anjo (por exemplo, o Anjo ANAEL, o Anjo do Amor), podem invocá-lo com o mantra ANTIA DAUNA SASTAZA, assim:

“AAANNTIIIIIIAAA....DAAAUUUNAAA SAAASTAAAZAAA... Venha até aqui! Venha até aqui! Venha até aqui! Pelo Cristo! Pelo Cristo! Pelo Cristo!”

Podem estar seguros de que Anael concorrerá ao vosso chamado. Anael é muito sábio; com ele poderão conversar o que quiserem, com ele poderão aprender muitas coisas. Ele sabe medicina, ele sabe curar, ele se relaciona com todos os assuntos do amor, etc.

Se querem invocar, por exemplo, qualquer Anjo planetário, utili­zem sempre a mesma chave e serão escutados. Mas, antes de tudo, de­vem aprender a “sair em Astral”. No Astral podem ir ao Shamballa e falar pessoalmente com o Divino Mestre, Jesus, o Cristo. Ele vive no Shamballa com seu mesmo corpo, ressuscitado dentre os mortos.

Não sei como há pessoas que se atrevem a dizer que Jesus, o Cris­to, se reencarnou em Pedro, ou em João, ou em Diego, ou em não sei quem... As pessoas cometem tantos erros! A esta altura da vida ainda não querem crer na palavra de Jesus, não querem crer no que está escrito no Evangelho. Jesus ressuscitou e tem seu corpo físico, conserva-o vivo no Shamballa. O Shamballa é um país do Tibete, é um país que está em estado de Jinas, um país secreto.

De maneira que há que aprender a vocalizar os mantras que ser­vem para “sair em Astral”; há que conhecer as práticas.

Também podem invocar os Seres Inefáveis para que eles os ensi­nem a “sair em Astral”. Podem invocar, por exemplo, Harpócrates, e po­dem estar seguros de que os ensinará a “sair em Astral”...


Palestra “O Desdobramento Psíquico – Samael Aun Weor

Informações adicionais

  • Complexidade do Texto: Intermediário
Ler 62 vezes Última modificação em Segunda, 26 Fevereiro 2024
Entre para postar comentários